Category archive

Meteoros

Meteorito explode sobre o mar a mil quilômetros da costa Brasileira

in Meteoritos/Meteoros/NASA/News by

De acordo com a NASA um meteorito entrou na atmosfera em 6 de fevereiro e liberou o equivalente a 13.000 toneladas de TNT ao explodir no céu, a cerca de 30 quilômetros da superfície.

160223210709_meteor_thinkstock_640x360_thinkstock_nocredit
Meteoro que caiu perto da costa brasileira é o maior desde 2013

Uma bola de fogo entrou na atmosfera da Terra e atingiu o oceano Atlântico a cerca de 1.000 quilômetros da costa do Brasil, de acordo com informações da Nasa. A agência espacial americana reportou que o meteorito liberou o equivalente a 13.000 toneladas de TNT ao explodir no céu, a cerca de 30 quilômetros da superfície. O evento, divulgado nesta semana, ocorreu na manhã de 6 de fevereiro.
Para se ter uma idéia, o evento com um meteoro ocorrido em Chelyabinsk, na Rússia, há 3 anos. O meteorito que entrou na atmosfera, e fez com que muitos russos vissem uma bola de fogo cortar o céu, liberou o equivalente a 500.000 toneladas de TNT ao explodir (40 vezes mais potente que o evento deste mês), quebrando diversas janelas de vidro e ferindo mais de 1.000 pessoas.
Meteoros como o que caiu recentemente – no oceano, longe dos olhos das pessoas – são identificados por meio de três medições: observações via satélite, capazes de reportar imagens da bola de fogo; sismógrafos, que podem detectar as ondas de propagação da explosão por meio do solo; e microfones atmosféricos, que conseguem identificar as ondas de som do evento.
De acordo com pesquisas científicas, cerca de 30 pequenos meteoritos, que medem entre 1 e 20 metros, entram na atmosfera terrestre todos os anos, atingindo velocidades entre 10 a 100 quilômetros por segundo. Ao cair rapidamente, o ar na frente do objeto é tão comprimido que esquenta, pega fogo e “vaporiza” o meteoroide. Como a maior parte da superfície da Terra é composta por água, a maioria desses meteoritos cai no oceano e não atingem a população.

DEBUNKED – Explosão de OVNI no Céu do RJ

in DEBUNKED/Meteoritos/Meteoros/News by

Esta semana, o Jornal O Dia e alguns sites sensacionalistas que não colaboram nada com o assunto OVNI, publicaram nas redes sociais a noticia de uma explosão misteriosa no céu do RJ teria sido um OVNI, alguns até mesmo enfatizando que o fato teria deixado atônitos ufólogos e cientistas pois ninguém conseguiu filmar ou fotografar nada e até mesmo as câmeras do Museu nacional teriam parado de funcionar.

De acordo com relatos de moradores, o que se viu foi um grande clarão seguido de uma explosão, apenas isto.

meteoro_bola_de_fogo_holanda_13_out_2009
Meteorito

Foi o que bastou para os “ufólogos renomados” brazucas se manifestarem e  inclusive solicitar para que se fossem encontrados fragmentos, que fossem enviados para eles. Isto serve apenas para ver o nível de amadorismo em que estão os nossos pseudos especialistas, pois em países de 1° mundo, a área seria isolada para a própria segurança da população e a contenção de uma possível contaminação viral ou radiativo, afinal ninguém sabe do que se trata e levando-se em consideração o desconhecimento do povo em certos assuntos, não deixa de ser um assunto bem delicado, basta lembrar do caso Césio 137, quando as capsulas foram abertas e simplesmente por ser um pó que brilhava no escuro, os moradores espalharam em seus corpos e até mesmo de crianças. O Resultado todo mundo sabe o que aconteceu.

Bom, a história não é bem assim, a equipe do UFOSFACTS foi em busca de maiores informações junto a contatos no MAER (Ministério da Aeronáutica) e segundo eles nada foi detectado e nenhum avião supersônico, capaz de produzir o mesmo efeito através da quebra do barreira do som, decolou ou pousou na Base Aérea de Santa Cruz.

Meteorologistas do Grupo de Eletricidade Atmosférica (Elat) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) afirmam que havia uma tempestade magnética em alto mar, porém não ocorreram eventos de descarga eletrica sobre a cidade.

Sendo assim, não há o que temer, pois levando-se em consideração todos os depoimentos e pareceres dos órgãos oficiais, tudo leva a crer que era apenas um meteorito que se desintegrou na atmosfera terrestre provocando o efeito bola de fogo e logo em seguida um estrondo sônico.

Por falta de informação, a população não sabe que caem mais de 500 por ano e apenas alguns são recuperados em pequenos pedaços totalmente inofensivos.

Também é comum vários relatos e videos de avistamentos, 95% deles, serem apenas resultado de erros de interpretação por falta de conhecimento. Já recebemos de tudo, meteoritos, lanternas chinesas, balões e o mais comum, contrails (Rastros de Vapor) deixados pelos motores de aviões a jato em grandes altitudes e iluminados pelos raios do sol poente, este tipo de confusão geralmente ocorre no amanhecer ou no entardecer. No RS, na cidade de Porto Alegre, um vídeo viralizou com esta confusão e mesmo após ser explicado através de fotos e um relato da própria companhia aérea que sobrevoava a cidade em direção a Buenos Aires, o vídeo ainda provoca espanto em alguns desavisados.

Concordamos que nem todos tem a obrigação de conhecer este ou qualquer outro assunto que envolva aparições ou eventos misteriosos, mas olhe sempre com parcimônia, pois há muito gente querendo ganhar com isto e você é o alvo perfeito.

Dúvidas? entre em contato com o UFOSFACTS. Respondemos centenas de mensagens diariamente no Brasil e exterior para mais de 60 países.

Então não há razões para se assustar.

Meteoro explode no céu de Bangcoc

in Bangcoc/Meteoros/News/Tailândia by

Explosão de meteoro aconteceu pela manhã na capital da Tailândia e foi registrada por câmera em painel de carro.

Veja o Video

Uma bola de fogo surgiu no céu de Bangcoc, capital da Tailândia, na manhã desta segunda-feira. Uma câmera em um painel de um carro registrou o momento que ela cruzou o céu e depois desapareceu no horizonte, deixando rastros de fumaça.

bolda-de-fogo
Câmera em painel de carro registrou ‘bola de fogo’ cruzando o céu de Bangcoc (Foto: BBC)
bola-de-fogo2
Astrônomos confirmaram que ‘bola de fogo’ que cruzou céu de Bangcoc era um meteoro que explodiu no céu (Foto: BBC)

Astrônomos confirmaram que a bola de fogo era um meteoro que explodiu no céu. O evento foi similar ao que aconteceu em Chelyabinsk, na Rússia, em fevereiro de 2013. As imagens são uma cortesia de Porjai Jaturongkhakun.

Irã Confirma Impacto de Meteoro

in Irã/Meteoritos/Meteoros/News by

Irã confirmou que um meteoro atingiu algum lugar na parte norte do país.

O meteoro caiu em Avaj na província de Qazvin, afirmou Mohammad Ali Ahani, diretor de Gestão da Crise de Qazvin a agência de notícias Mehr no dia 31 de Julho/2015

Além disso, tem havido relatos de que alguns pedaços de rocha atingiram áreas em Eshtehard, província de Alborz, Arsalan Qasemi, conforme afirmação do governador de Boeen Zahra no condado na província de Qazvin.

Outro governador, agora de Takestan County, província de Qazvin, disse que a área testemunhou a passagem do meteoro, mas que nenhum lugar no distrito sob sua supervisão tinha sido atingido conforme informações recebidas.

No ultimo dia 30, uma grande bola de fogo foi avistada nos céus do Brasil, Argentina e Uruguai, o fato foi amplamente coberto pelo Ufosfacts, veja aqui

 

 

Afinal, o que foi a luz verde que cruzou o céu no Rio Grande do Sul?

in Brasil/Meteoritos/Meteoros/News/Videos by

Um objeto luminoso cruzou o céu no Rio Grande do Sul, Uruguai e também da capital argentina, Buenos Aires, durante a noite de quinta-feira (30) causando espanto e levando muitos a se manifestar nas redes sociais.

Era possível ver uma luz verde em volta do estranho objeto enquanto ele passava. No Rio Grande do Sul foi possível ver a luz distante em Porto Alegre e na Praia do Cassino, em Rio Grande.
“Não se escutou nenhum som, mas as pessoas começaram a gravar e a perguntar o que era aquilo, o que estava acontecendo”, disse à BBC Mundo o jornalista argentino Germán Pérez, autor das imagens feitas em Buenos Aires.

De acordo com César Bertucci, pesquisador do Instituto de Astronomia e Física Espacial da Argentina (IAFE), especialista no assunto. “Provavelmente é um fragmento de cometa de tamanho maior do que o normal, que se incendiou durante sua descida pela atmosfera da Terra”.

“É curioso que o fenômeno ocorreu a dias do apogeu da chuva de meteoros Delta Aquarídeas e a duas semanas de outra mais importante, chamada Perseidas. Isto nos faz pensar que se trate de fragmentos de cometas e não de lixo espacial”, acrescentou.

O astrônomo Jorge Coghlan, membro do Centro de Observadores do Espaço (CODE) disse a uma rádio da Argentina que “o que se viu na Argentina foi matéria interplanetária, um bólido”.

“A Terra recebe permanentemente estes fenômenos, são restos de formações dos planetas”, acrescentou.

Mas, ainda restava a dúvida sobre qual a causa da cor verde que o objeto emitia ao cruzar o céu.

Emmet Fletcher, porta-voz da Agência Espacial Europeia (AEE) afirmou à BBC Mundo que a cor verde foi causada pelo magnésio do meteorito.

“Existem duas fontes geradoras de luz: uma é o próprio meteorito, cujos íons entram em contato com a atmosfera. A outra é o magnésio, que interage com o oxigênio que o converte em um plasma, como se fosse um tubo fluorescente.”

Segundo Fletcher “a cada dia existem pelo menos dois meteoritos que entram na atmosfera, apesar de muitos deles serem pequenos demais e se desintegrarem muito rapidamente”.

O porta-voz da AEE afirmou que é possível prever este tipo de ocorrência graças às investigações do Centro de Planetas Menores, uma organização internacional que calcula dados de asteroides e cometas em todo o mundo.

“As possibilidades de impacto são realmente pequenas e não há motivos para se preocupar”, acrescentou o cientista.

Outro fato que chamou a atenção foi a quantidade de lugares onde pode ser visto.

Além dos locais no Rio Grande do Sul e a capital argentina, Buenos Aires, a luz também foi vista em outros pontos da Argentina como Córdoba, Tucumán, Entre Ríos e outros locais.

A luz também foi vista no Uruguai, em lugares como Rio Negro, Durazno, Paysandú, Colonia e Salto.

César Bertucci, pesquisador do IAFE, disse que estes fenômenos, apesar de raros, costumam acontecer com maior frequência em períodos onde há chuvas de meteoros.

“Em sua maioria, os meteoritos associados às chuvas de meteoros são objetos de não mais do que alguns centímetros de diâmetro, se desintegram antes de chegar ao solo. Mas alguns fragmentos poderiam chegar à superfície, se tivessem um tamanho maior”, afirmou.

“É difícil saber se, neste caso, o objeto efetivamente chegou à superfície sem se desintegrar”, acrescentou.

Fonte BBC

Video Capta possível impacto de Meteorito na Terra

in Meteoritos/Meteoros/Videos by

Estão circulando na internet vários vídeos capturados pelos motoristas, onde uma grande bola de fogo que aparece entrando na atmosfera da Terra foi registrado. O objeto foi visto em cidades da Alemanha, Suíça e Áustria.

De acordo com o jornal alemão Der Spiegel, o objeto foi observado para cerca de cinco segundos no céu durante a noite de domingo, 15 de março.

O astrônomo suíço Jonas Schenker disse que o meteoro passou cerca de 20km da Terra.

Vários relatórios divulgados na nação científica relatam que um grande estrondo foi ouvido após a aparição de objetos no céu.

“REZEM” – AFIRMA DIRETOR DA NASA SOBRE APROXIMAÇÃO DE ASTEROIDES

in Asteroides/Meteoros/News by
O diretor da Nasa (agência espacial americana), Charles Bolden, tem um conselho sobre o que fazer se um grande asteroide estiver a caminho da Terra: rezar. Isso é praticamente tudo o que se poderia fazer neste momento se asteroides ou meteoros desconhecidos estivessem em rota de colisão com o planeta, afirmou ele a legisladores na Câmara dos Representantes dos Estados Unidos. A projeção fatalista ocorre enquanto a Nasa pede que o governo americano financie programas para detecção e desvio de objetos celestiais próximos da Terra.
Ameaças vindas do espaço costumam ser objetos da ficção científica – em filmes como Armageddon e Impacto Profundo -, porém membros do Congresso americano abordaram o assunto depois que um meteorito caiu sobre a Rússia em 15 de fevereiro e um asteroide passou muito próximo do planeta no mesmo dia.
Meteorito caiu na Rússia deixando centenas de feridos
Preocupados com esses fenômenos, os políticos convidaram o diretor da Nasa para falar sobre o programa espacial e como se pode prevenir que a Terra seja atingida por corpos celestes.
O asteroide que formou a cratera mais bem preservada – Arizona (EUA)
A Cratera de Barringer, também conhecida como Cratera do Meteoro, data de 50 mil
anos atrás, e está localizada ao norte do Arizona, EUA. Cientistas acreditam que
ela tenha sido formada por um meteorito de aproximadamente 50 metros, que atingiu
a Terra em uma velocidade de 45 mil km/h e produziu uma explosão de 10 megatons.
A cratera possui 1,2 quilômetros de diâmetro e 200 metros de profundidade.
A cratera de impacto de tamanho considerável mais recente, e mais bem preservada,
é a Cratera de Barringer.
Os legisladores não gostaram do que ouviram. O representante republicano Lamar Smith afirmou aos participantes, mais de uma vez, que o relatório “não era tranquilizador”. Deputados governistas e da oposição, porém, se mostraram receptivos à ideia de colocar mais recursos no esforço de conter ameaças cósmicas, conforme solicitado por Charles Bolden.
O consultor científico da Casa Branca, John Holdren, observou que o financiamento anual dedicado ao catálogo de asteroides potencialmente perigosos subiu de US$ 5 milhões para mais de US$ 20 milhões nos últimos dois anos. Mesmo assim, o administrador da Nasa estimou que o trabalho de identificação de 90% dos objetos celestiais próximos da Terra entre 140 metros e 1 quilômetro de largura, como demandado pelo Congresso, deve demorar até 2030.
Fonte : Terra
Go to Top

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com