Caso Westendorff: 8 anos e o Mistério no Céu de Pelotas – RS permanece inexplicável

in Avistamentos/OVNIS/UFOS by

Em 5 de outubro de 1996 o piloto ganhava o Brasil e o mundo com o relato de sua experiência na Lagoa dos Patos

A Lagoa dos Patos é uma laguna localizada no estado brasileiro do Rio Grande do Sul, sendo a maior laguna do Brasil e a segunda maior de toda a América do Sul

Haroldo Westendorff
Haroldo Westendorff

Haroldo Westendorff, empresário gaúcho, administrava uma empresa de beneficiamento de arroz, uma transportadora e uma fábrica de rações. Nas horas de folga costumava pilotar o seu próprio avião monomotor Tupy (prefixo PT-NTH). Foi num desses momentos de lazer que o empresário viveu uma experiência intrigante.

Às nove horas, logo depois de tomar o café da manhã, ele decolou do aeroporto de Pelotas para mais um passeio.Naquele dia o céu estava limpo e ensolarado e nuvens esparsas permitindo um voo com muita visibilidade. Por volta das 10 da manhã o piloto estava a uma altitude de 1800 metros, sobrevoando a região da Ilha de Sarangonha, a cerca de 15 quilômetros do aeroporto, quando deparou-se um com gigantesco objeto que sobrevoava a região. Segundo o piloto, o objeto teria o tamanho de um estádio de futebol e aproximadamente 50 metros de altura. Era de formato piramidal, com oito lados. Em cada um dos lados haviam três domos salientes. O piloto acompanhou o estranho objeto por aproximadamente 12 minutos. O susto foi enorme. Até a gagueira de infância voltou a afetar-lhe por alguns segundos. Recuperada a fala, o empresário conseguiu levar o monomotor a até muito próximo do objeto, onde permaneceu por mais de dez minutos.

Image3 Por 12 minutos, o empresário permaneceu voando ao redor do OVNI, a uma distância de aproximadamente 100 metros. Deu três voltas ao redor da nave e pôde observar seus detalhes. Era feita de algo parecido com metal, com a parte inferior lisa e oito vértices, que tinham cada um três saliências, como bolhas.

READ  CÂMERAS DE VIGILÂNCIA FILMAM UFO ENTRANDO NO VULCÃO POPCATEPETL
Istoeufopiramide1
Desenho feito a partir do relato de Haroldo Westendorff

A nave girava em torno de si própria e se deslocava em direção ao mar. Durante o tempo em que a testemunha permaneceu ao redor do OVNI não percebeu nenhum movimento da nave que pudesse indicar uma reação hostil. De repente, a parte superior do OVNI se abriu, bem na ponta, e dali saiu um disco voador na vertical, que em seguida se inclinou 45 graus e disparou para cima numa velocidade impressionante.

istoe3
Desenho feito a partir do relato de Haroldo Westendorff

Assustado, Haroldo se afastou da nave. Nesse momento, aquele objeto enorme subiu na vertical, numa velocidade fora do comum, sem fazer vento, sem ruído de explosão e sem nenhuma reação física.

patos.1
Haroldo Westendorff é piloto deste os anos 70, tendo brevê desde os 19 anos. Além disso é bicampeão brasileiro de acrobacias.

Durante o contato, o piloto conversou com familiares relatando o evento e com a sala de controle da Infraero, no aeroporto de Pelotas (RS). Airton Mendes da Silva, Jorge Renato Dutra e Gilberto Martins, puderam confirmar visualmente o objeto.

CONFIRMADO – No mesmo momento o Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta II) em Curitiba, no Paraná, responsável pelo monitoramento aéreo nos estados da Região Sul, detectou apenas a presença do monomotor. Resposta que ainda hoje intriga o empresário, sabatinado tempo depois por agentes que apresentaram-se como ufólogos.
Oito anos após o episódio, Westendorff conta com detalhes o que avistou naquele dia ensolarado, minúcias que ficaram conhecidas em todo o Brasil.

 

Assista a reportagem completa produzida por um canal local (RBS TV) sobre o caso.

 

BannerFans.com

Comments on Facebook

Latest from Avistamentos

Go to Top

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com